Mostrando postagens com marcador Educação. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Educação. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 2 de março de 2015

Educação é tudo!

Há algumas pessoas que negligenciaram a escola a educação, tratando-a como irrelevante. Não gostavam e não gostam de estudar, eram desonestos nas provas colando não se importaram em aprender e muito menos com o fruto da educação o futuro. Em algumas disciplinas ou em quase todas foram reprovados. Não gostavam e nem se interessavam pela matemática, português, geografia e muito menos pelas ciências e a história. Na vida adulta levaram como herança o triste costume de tratar tudo como sendo irrelevante. Hoje são reféns de si mesmas sendo reprovadas diariamente pela própria vida nas disciplinas da cidadania da paciência e do amor nesse caso não há cola e nem recuperação. Tudo começa pela base Rev. Sandro M. Viana (Natal/RN, 27.02.15)

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Só estava brincando professora…


Texto criado em seu contexto de época para o uso na disciplina de Ensino Religioso no Colégio Presbiteriano Simonton (Taguatinga-DF/2008) e Instituto Presbiteriano Educação de Brasília - IPEB (Guará II/2007). Tema: Violência na escola.
Para: 6º ao 9º anos. Sandro M. Viana.

Era sexta-feira, mal tinha dormido na noite anterior, acordei cedo, pulei da cama e fui direto para o meu guarda-roupa. Vesti minha melhor camisa e bermuda, calcei o meu novo tênis e coloquei o meu boné. Rapidamente tomei o café, beijei minha mãe, peguei a mochila com os livros e saí com meu skate. O dia estava iluminado, céu azul sem nuvens. O vento frio da manhã tocava meu rosto. Precisava chegar o mais rápido à escola. Em frente ao grande portão, o ônibus que iria nos levar ao zoológico já estava estacionado.
Os alunos iam chegando e aguardavam no pátio da escola. Estávamos muito ansiosos. Toda minha galera estaria lá. Logo na entrada encontrei o Fred e o Rafa, eles estavam muito animados. Percebi a agitação dos alunos aguardando o início da programação.
Fred cochichou no ouvido de Rafa:
- Vamos aprontar com o cabeção?
Rafa prontamente acenou com a cabeça concordando.

Você entende o que canta?

"Música para compor o ambiente Música para escovar o dente Música para fazer chover Música para ninar nenê Música para tocar...